O Centro de Engenharia e Tecnologia Naval e Oceânica (CENTEC) é uma unidade de investigação do IST, reconhecida e financiada pela Fundação para a Ciência e Tecnologia do Ministério da Ciência e Tecnologia.

A Unidade de Engenharia e Tecnologia Naval foi criada em 1994 na sequência da reestruturação do sistema de investigação em Portugal, o qual levou à extinção do Instituto Nacional de Investigação Cientifica (INIC), de onde transitaram os 3 investigadores doutorados que criaram esta Unidade. Em 2007, já com 20 investigadores doutorados, a designação de Unidade passou a Centro, na sequência da criação de novos Estatutos do IST. Em 2015 o CENTEC conta com 44 investigadores doutorados, entre os seus mais de 100 membros.

O CENTEC concentra as suas actividades na investigação científica, no desenvolvimento e demonstração e na sua aplicação à exploração sustentável e ao aproveitamento de recursos marinhos, nos vários domínios de interesse como sejam o transporte marítimo e portos, a utilização do espaço oceânico, incluindo as zonas costeiras, a exploração e o aproveitamento de recursos marinhos, a náutica de recreio, bem como a protecção do ambiente marinho e dos seus recursos. Estas actividades são possibilitadas pelos navios e outras estruturas flutuantes e submersíveis, cujo projecto, construção e manutenção são objectivos centrais das actividades do CENTEC.

O CENTEC dá especial ênfase à actividade de investigação nas áreas de análise de risco, segurança e fiabilidade, incluindo a segurança ocupacional, e promove a sua aplicação em vários sectores industriais e de serviços.

Um dos objectivos importantes do CENTEC é promover e encorajar a formação avançada em actividades investigação e promover a disseminação de resultados científicos pela participação e organização de reuniões técnicas e científicas.

O CENTEC está organizado nos seguintes grupos de investigação:

 • Ambiente Marinho

 • Dinâmica e Hidrodinâmica Naval

 • Estruturas Navais

 • Segurança e Logística do Transporte Marítimo

Coordenador Ciêntifíco: Professor Carlos Guedes Soares